Cupcakes de côco e ananás

Cupcakes sem gluten de coco e ananas 2

Há mais de dois meses a Ayam convidou-me a experimentar o seu leite de côco, desafiando-me a criar uma receita com ele. Com o Natal, Passagem de Ano e todos os projectos em que me meti desde então, o pacote de leite de côco foi remetido para o fundo da prateleira e os meus planos para ele esquecidos.

Cupcakes sem gluten de coco e ananas 3

Quando descobri o instagram da Tome, uma pastelaria australiana, fiquei maravilhada com a decoração simples dos cupcakes deles, que tão bem se encaixam com a nova imagem do Chá das Cinco, ao contrário dos cupcakes muito trabalhados, que, já me foi várias vezes dito, acabam até por ter demasiado creme.

Chá das Cinco: Receita de cupcakes sem gluten e sem lactose de coco e ananas

As criações sem gluten da Tome lembraram-me, também, o pacote de leite de côco e um outro de farinha de côco, que me tinha vindo parar às mãos mais ou menos na mesma altura, com os quais poderia criar um bolo sem glúten e, se não colocarmos a cobertura, sem lactose; para quem é intolerante à lactose, a cobertura destes cupcakes pode ser trocada por creme de côco, batido (até ficar semelhante ao chantilly), à venda em várias ervanárias.

Cupcakes sem gluten e sem lactose de côco e ananás

  • Servings: 12 cupcakes
  • Imprimir

Cupcakes sem gluten de coco e ananas 4

Ingredientes

Base

  • 65 g farinha de côco
  • 1 c. fermento
  • 1/2 c. sal
  • 170 g açúcar
  • 125 ml óleo
  • 6 ovos
  • 30 ml leite de côco Ayam
  • 2 c. extracto de baunilha

Cobertura*
*se intolerante à lactose, substituir por creme de côco batido e envolvido com 2 C. de polpa de ananás

  • 80 g manteiga sem sal, amolecida
  • 260 g açúcar em pó
  • 2 C. polpa de ananás

Preparação

  1. Pré-aqueça o forno a 175ºC e prepare 12 formas de cupcake untando-as ou utilizando forminhas de papel;
  2. Numa taça pequena junte a farinha de côco, o fermento, o sal e o açúcar;
  3. Numa taça grande, bata o óleo, os ovos, o leite de côco e o extracto de baunilha, até homogéneo;
  4. Envolva a mistura de farinha de côco nos ingredientes líquidos até criar uma massa suave;
  5. Divida a mistura entre as formas, enchendo-as até ao topo;
  6. Leve os cupcakes ao forno cerca de 20 minutos, ou até que um palito inserido no centro saia limpo;
  7. Deixe arrefecer na forma durante 10 minutos antes de transferir para uma grelha para que arrefeçam completamente;
  8. Prepare a cobertura batendo, numa taça grande e com uma batedeira eléctrica, a manteiga, até macia;
  9. Com a batedeira no mínimo, adicione, lentamente, o açúcar;
  10. Junte a polpa de ananás, uma colher de cada vez, até que a mistura fique lisa e suave;
  11. Continue a bater durante cerca de 5 minutos em velocidade alta até a cobertura estar fofa e manter a forma – incorpore mais açúcar se necessário. Quanto mais tempo a cobertura for batida, mais fofa irá ficar.

1 cupcake: 335 calorias, 18 g gordura, 40 g hidratos de carbono, 4 g proteina

Costumam usar substitutos da farinha (de trigo) nas vossas receitas?

Anúncios

Cupcakes Maria Bolacha

Chá das Cinco: Receita de cupcakes Maria Bolacha com três coberturas

Há anos que falo em ter um gatinho. Como passo muito tempo em casa preciso de outro ser vivo para não me sentir tão maluca quando falo sozinha. Em Setembro o Hugo e uns colegas encontraram, no teatro Carlos Alberto, um gatinho perdido, muito assustado, que miava. Apanharam-no e o Hugo enviou-me uma foto, a perguntar se eu não queria um gatinho.

Chá das Cinco: Receita de cupcakes Maria Bolacha com três coberturas

Queria, mas não podia! O Hugo, que já me tinha ouvido falar no gato imensas vezes, não quis saber. Pouco mais tarde tocou-me à porta e, quando abri, tinha uma bolinha de pelo dentro de uma transportadora a miar para mim – era a Maria Bolacha. Durante um mês a Maria Bolacha não era mais do que uma pequena terrorista que, de vez em quando, eu podia ver ao longe mas, com o passar das semanas, começou a interagir e a querer estar ao pé de mim. Hoje a Maria Bolacha é uma gatinha mimada, que não sabe estar sozinha, e que quer sempre mais um bocadinho de brincadeira.

Cupcakes Maria Bolacha 9

Foi inspirada pela Maria Bolacha que criei estes cupcakes. Estiveram em planificação durante muito tempo, mas o resultado final é uma base de manteiga queimada, como os cupcakes de cookie dough, e uma cobertura de três sabores – ganache de chocolate, cobertura cozinhada de baunilha e creme de manteiga de café, numa combinação que lembra o bolo de bolacha Maria.

Cupcakes Maria Bolacha

  • Servings: 12 cupcakes
  • Imprimir

Cupcakes Maria Bolacha 10

Ingredientes

Base

  • 155 g manteiga sem sal
  • 120 g farinha sem fermento
  • 1 c. fermento em pó
  • 50 g de açúcar
  • 75 g açúcar mascavado
  • 2 ovos
  • 1 c. extracto de baunilha
  • 3 C. leite

Cobertura cozinhada de baunilha

  • 125 g açúcar
  • 40 g farinha sem fermento
  • 125 ml leite gordo
  • 125 ml natas ( >35% gordura)
  • 230 g manteiga sem sal, à temperatura ambiente
  • 1 c. extracto de baunilha
  • 1 vagem de baunilha, sementes

Ganache de chocolate

  • 200 g chocolate de culinária
  • 200 ml natas

Creme de manteiga de café

  • 80 g manteiga sem sal, à temperatura ambiente
  • 260 g açúcar em pó
  • 30 ml café espresso, arrefecido

Preparação

Base

  1. Num tacho pequeno, aqueça a manteiga em lume brando durante cerca de 5 minutos, ou até dourada;
  2. Coe a manteiga e leve ao frigorífico para arrefecer durante cerca de 10 minutos;
  3. Pre-aqueça o forno a 200ºC e prepare 12 formas de cupcake untando-as ou utilizando forminhas de papel;
  4. Numa taça, misture bem a farinha, o fermento, o sal e os açúcares;
  5. Com uma batedeira eléctrica bata na velocidade máxima a mistura de farinha com os ovos, o extracto de baunilha e a manteiga queimada (à temperatura ambiente) até criar uma massa homogénea;
  6. Baixe a velocidade da batedeira e acrescente o leite;
  7. Divida a mistura entre as formas, enchendo-as até cerca de 2/3 da altura;
  8. Leve os cupcakes ao forno durante 15 a 20 minutos ou até que um palito inserido no centro saia limpo;
  9. Deixe arrefecer na forma durante 10 minutos antes de transferir para uma grelha para que arrefeçam completamente.

Cobertura cozinhada de baunilha

  1. Num tacho pequeno, misture bem o açúcar e a farinha;
  2. Junte o leite e as natas e leve ao lume, mexendo sempre, durante cerca de 15 minutos ou até engrossar num creme estilo béchamel;
  3. Transfira para um pirex largo, cubra com película aderente rente ao creme e leve ao frigorífico para que arrefeça completamente;
  4. Com uma batedeira eléctrica, bata em velocidade máxima, a manteiga até estar suave;
  5. Junte o creme de leite e açúcar aos poucos e, depois, o extracto e as sementes de baunilha, batendo sempre em velocidade alta;
  6. Continue a bater cerca de 5 minutos, até criar um creme fofo e uniforme;

Ganache de chocolate

  1. Numa taça grande resistente ao calor, parta o chocolate em pedaços pequenos;
  2. Leve ao lume as natas até que comecem a ferver;
  3. Deite as natas a fervilhar sobre o chocolate partido e deixe repousar durante cerca de 5 minutos, ou até o chocolate estar derretido;
  4. Misture bem com uma espátula, para que a mistura fique homogénea;
  5. Leve ao frigorífico até que solidifique, pelo menos 1 hora;
  6. Com uma batedeira eléctrica bata o ganache de chocolate na velocidade mais alta durante cerca de 5 minutos, ou até que fique um creme fofo;

Creme de manteiga de café

  1. Com uma batedeira eléctrica bata a manteiga até macia;
  2. Com a batedeira no mínimo, adicione, lentamente, o açúcar;
  3. Junte o espresso, uma colher de cada vez, até que a mistura fique lisa e suave;
  4. Continue a bater durante cerca de 5 minutos em velocidade alta até a cobertura estar fofa e manter a forma – incorpore mais açúcar se necessário. Quanto mais tempo a cobertura for batida, mais fofa irá ficar;

1 cupcake: 658 calorias, 46 g gordura, 52 g hidratos de carbono, 5 g proteina

Mais alguém tem um gatinho mimado?

Chá das Cinco: Receita de cupcakes de chocolate em árvore de Natal

Para a minha família, que é pouco religiosa, o Natal é mais uma desculpa para um jantar em família com muitas sobremesas. A consoada é, geralmente, celebrada em casa dos meus pais, e lá se junta a minha a família materna e paterna, começando nos avós e alongando-se para os tios e primos.

Chá das Cinco: Receita de cupcakes de chocolate em árvore de Natal

Se a minha família materna não passa sem o bacalhau cozido, o bolo rei e as filhoses, a família paterna prefere comer rolo de carne e lampreia – talvez roube um pedacinho de rabanada, que é mais tradicional. Mas é raro haver chocolate na mesa e, mais raro ainda, é haver bolos.

Chá das Cinco: Receita de cupcakes de chocolate em árvore de Natal

De há uns anos para cá eu comecei a introduzir os bolos e, os primeiros que fiz, foram uns cupcakes semelhantes a estes, com o bolo de chocolate e o creme de manteiga em forma de árvore de natal, decorados com uma estrelinha de bolacha de manteiga. São deliciosos, natalícios e têm chocolate – deviam fazer parte da tradição.

Cupcakes de chocolate para o Natal

  • Servings: 12 cupcakes
  • Imprimir

Chá das Cinco: Receita de cupcakes de chocolate em árvore de Natal

Ingredientes

Bolo

  • 100 g farinha sem fermento
  • 20 g cacau
  • 140 g açúcar
  • 1 1/2 c. fermento em pó
  • 40 g manteiga sem sal, à temperatura ambiente
  • 120 ml leite
  • 1 ovo
  • 1/4 c. extracto de baunilha

Cobertura

  • 180 g açúcar em pó
  • 110 g manteiga sem sal, à temperatura ambiente
  • 1 c. pasta de baunilha ou sementes de 1 vagem de baunilha
  • 1 C. leite frio
  • 1 c. corante verde em gel

Preparação

Bolo

  1. Pre-aqueça o forno a 170ºC e prepare 12 formas de cupcake untando-as ou utilizando forminhas de papel;
  2. Numa taça, misture bem a farinha, o cacau, o açúcar e o fermento;
  3. Com uma batedeira eléctrica incorpore a manteiga até homogéneo;
  4. Com a batedeira em velocidade baixa, junte o leite e o ovo;
  5. Aumente a velocidade e bata durante cerca de 3 minutos, até que a massa fique lisa e os ingredientes estejam todos bem incorporados;
  6. Divida a mistura entre as formas, enchendo-as até cerca de 2/3 da altura, e leve ao forno durante 20 a 25 minutos ou até que um palito inserido no centro saia limpo;
  7. Deixe arrefecer na forma durante 10 minutos antes de transferir para uma grelha para que arrefeçam completamente.

Cobertura

  1. Com uma batedeira eléctrica, bata em velocidade alta a manteiga até cremosa;
  2. Junte o açúcar em pó e bata durante cerca de 5 minutos;
  3. Lentamente, junte a pasta ou as sementes de baunilha, o leite e o corante e continue a bater o creme durante 1 minuto.

1 cupcake: 246 calorias, 11 g gordura, 34 g hidratos de carbono, 2 g proteina

Que doces fazem parte da vossa mesa de Natal?

Bolo de Ferrero Rocher

Bolo ferrero rocher 5

No ano passado o aniversário da minha mãe ganhou um novo significado para mim quando, no dia seguinte a um tratamento, me levantei da cama e me arrastei até à cozinha para terminar o bolo de red velvet que já tinha começado. Se tinha alguma dúvida, foi nesse dia que percebi que a pastelaria, para mim, não era só um hobbie.

Bolo ferrero rocher 12

O dia seguinte aos tratamentos era, geralmente, passado na cama a dormir, só com intervalos para comer e tomar a medicação, por não me aguentar, realmente, de pé. Contra a vontade (e a razão) de toda a gente, insisti em fazer o bolo de aniversário dos 50 anos da minha mãe no dia seguinte a um tratamento – já estava “habituada” aos efeitos secundários e era importante recomeçar a minha vida e fazer alguma coisa de útil. Insisti e passei horas a decorar o bolo e a aprender a fazer rosas com o saco de pasteleiro e creme de manteiga.

Chá das Cinco: Receita de bolo de chocolate e avelãs - Ferrero Rocher

Este ano não havia tratamentos nem doença, mas o desafio não foi menor, pois decidi levar metade da minha cozinha para Lisboa para fazer este bolo, inspirado no Ferrero Rocher, e ainda passeámos com ele no carro para trás e para a frente, enclausurado numa boleira improvisada, a tentar compensar as curvas para chegar com um bolo (minimamente) direito à hora do lanche.

Bolo de Ferrero Rocher

  • Servings: 10 fatias
  • Imprimir

Bolo ferrero rocher 1

Ingredientes

Bolo

  • 4 ovos
  • 55 g açúcar
  • 110 g farinha de avelã
  • 20 g farinha sem fermento
  • 15 g cacau
  • 1 1/2 c. fermento em pó

Recheio

  • 150 g chocolate culinária
  • 150 g manteiga sem sal
  • 200 g creme de chocolate e avelãs
  • 125 g bolachas belgas

Cobertura

  • 100 g chocolate culinária
  • 50 g manteiga sem sal

Decoração

  • 6 Ferrero Rocher
  • 4 bolachas belgas

Preparação

Bolo

  1. Pre-aqueça o forno a 180ºC e unte três formas iguais com manteiga e polvilhe bem com farinha;
  2. Com uma batedeira eléctrica em velocidade média alta bata os ovos até estarem fofos. Junte, lentamente, o açúcar, continuando a bater durante cerca de 5 minutos;
  3. Numa taça grande misture as farinhas, o fermento e o cacau;
  4. Com uma espátula ou um batedor de varas incorpore a mistura de farinha nos ovos até homogénea;
  5. Divida a mistura entre as três formas e leve ao forno durante 20-25 minutos ou até que um palito inserido no centro saia limpo;
  6. Deixe arrefecer na forma durante cerca de 5 minutos antes de transferir para uma  grelha para que arrefeçam completamente.

Recheio

  1. Numa taça própria, leve ao microondas o chocolate de culinária partido em pedaços pequenos, aquecendo-o em intervalos de 30 segundos até que derreta por completo e esteja suave;
  2. Deixe arrefecer o chocolate cerca de 10 minutos;
  3. Numa taça grande, junte a manteiga, o chocolate derretido e o creme de avelãs e bata, com uma batedeira eléctrica, até formar um creme homogéneo;
  4. Quando rechear o bolo, coloque bolachas belgas, partidas em pedaços pequenos, sobre o creme.

Cobertura

  1. Leve a lume brando um tacho pequeno com a manteiga e o chocolate em pedaços;
  2. Mexa frequentemente até que todo o chocolate esteja derretido e a cobertura esteja lisa e macia;
  3. Deixe arrefecer até à temperatura ambiente e despeje-o generosamente sobre o bolo.

1 fatia: 757 calorias, 54 g gordura, 58 g hidratos de carbono, 11 g proteina

Quando perceberam o que queriam fazer para o resto da vossa vida?

Pop tarts de frutos vermelhos

Chá das Cinco: Receita de pop tarts de frutos vermelhos

Desde que vi com a Né a serie Selfie, que falamos em fazer pop tarts caseiras. As pop tarts originais são uma tarte num formato uni-dose que pode (e deve) ser aquecido na torradeira antes de se comer. Na serie é a vizinha nerd da personagem principal quem faz as pop tarts caseiras e isso é considerado “dever” para o tipo de pessoa que organiza clubes de leitura em casa.

Chá das Cinco: Receita de pop tarts de frutos vermelhos

Embora não organizemos clubes de leitura em casa, parece que eu e a Né estamos a começar um clube de costura e, por isso, para a nossa segunda “reunião” fiz estas pop tarts de frutos vermelhos.

Chá das Cinco: Receita de pop tarts de frutos vermelhos

Atenção, embora as pop tarts originais devam ser aquecidas na torradeira, não recomendo que reaqueçam as caseiras, pois a cobertura de açúcar pode derreter. Quem as quiser comer quentinhas pode aquece-las no microondas 30 segundos a 500 W.

Pop tarts de frutos vermelhos

 

Chá das Cinco: Receita de pop tarts de frutos vermelhos

Ingredientes

Recheio

  • 175 g frutos vermelhos congelados
  • 175 g açúcar
  • 5 g pectina

Massa

  • 190 g farinha
  • 35 g açúcar
  • 1/2 c. sal
  • 75 g manteiga sem sal, bem fria, cortada em cubos
  • 30 ml água gelada
  • 30 ml leite gelado
  • 1 ovo
  • 15 ml leite

Decoração

  • 130 g açúcar em pó
  • 30 ml leite gordo
  • 4 gotas aroma de framboesa
  • corante (opcional)

Preparação

Recheio

  1. Leve a lume alto os frutos vermelhos e o açúcar até levantar fervura, mexendo frequentemente;
  2. Cozinhe os frutos vermelhos e o açúcar durante 10 minutos, mexendo;
  3. Junte a pectina e deixe ferver mais 5 minutos;
  4. Retire do lume e triture o doce num processador de comida ou com uma varinha mágica;
  5. Transfira para uma taça e reserve até que arrefeça completamente;

Massa

  1. Num robot de cozinha (ou na Bimby em velocidade 5) misture a farinha, o açúcar e o sal;
  2. Junte a manteiga e triture apenas uns segundos – a manteiga não deve aquecer nem formar uma pasta;
  3. Junte a água e o leite gelado e triture novamente até homogéneo, mas sem deixar que se forme uma bola, a massa deve estar em pedaços;
  4. Com as mãos, forme uma bola achatada e embrulhe em película aderente. Reserve no frigorífico durante, pelo menos, 30 minutos;

Preparação

  1. Pré-aqueça o forno a 190ºC e forre um tabuleiro com papel vegetal;
  2. Polvilhe uma superfície de vidro ou mármore com farinha e estique a massa, com a ajuda de um rolo de cozinha polvilhado com farinha, até ter cerca de 3 mm de espessura;
  3. Corte 6 rectângulos com 8×10 cm e 6 com 9×11 cm;
  4. Coloque cerca de uma colher de sopa do recheio, arrefecido, no centro de cada rectângulo menor, espalhando-o numa camada uniforme. Deixe cerca de 1 cm de margem a toda a volta;
  5. Pincele com água à volta do doce e coloque os rectângulos maiores sobre o recheio, pressionando as margens. Com um garfo, feche bem as pop tarts;
  6. Bata o ovo com 15 ml de leite e pincele as pop tarts com a mistura. Com um palito ou um garfo faça dois ou três furos na camada superior, para que o vapor possa escapar durante a cozedura;
  7. Cozinhe as pop tarts no forno pré-aquecido durante 20-30 minutos ou até estarem douradas;
  8. Deixe arrefecer por completo sobre uma grelha;
  9. Prepare a cobertura misturando, com um batedor de varas, o açúcar, o leite, o aroma e o corante até obter a consistência desejada – se necessário acrescentar mais leite. A cobertura poderá ser mais líquida ou mais espessa dependo do gosto e da decoração pretendida. Reserve a temperatura ambiente até a cobertura secar e endurecer.

1 pop tart: 426 calorias, 12 g gordura, 77 g hidratos de carbono, 5 g proteina

As séries e filmes levam-vos a experimentar pratos novos?

Bolo de maçã e caramelo salgado

Bolo de maçã e caramelo salgado

Hoje em dia parece raro, mas os meus pais fizeram 25 anos de casados na semana passada. Trocaram votos para mais 25 anos juntos e jantaram no mesmo restaurante onde celebraram o casamento mas, desta vez, pude assistir e fazer o bolo dos noivos.

Bolo de maçã e caramelo salgado

Na minha família é sempre complicado escolher um bolo – a minha mãe gosta de chocolate, o meu pai adora doce de ovos e, ao contrário, nem por isso. Portanto, quando falei com eles sobre o bolo que lhes poderia oferecer, sugeri este bolo de maçã e caramelo salgado que tanto sucesso tinha feito na EuroSteamCon.

Bolo de maçã e caramelo salgado

Imaginam a viagem do Porto a Lisboa que este bolo fez? Posso dizer que não foi fácil chegar com ele inteiro, mas valeu a pena ver os meus pais a marcar esta data importante com um miminho feito por mim.

Para quem o reproduzir, podem cortar a meio a receita, fazendo um bolo alto de 12 cm, ou congelar uma parte do bolo, já cozido mas sem recheio e cobertura, durante um mês, bem envolvido em película aderente.

Bolo de maçã e caramelo salgado

  • Servings: bolo de 20 cm ∅ + 12 cm ∅ - 3,5 kg
  • Imprimir

Bolo de maçã e caramelo salgado

ingredientes

Bolo

  • 600 g farinha sem fermento
  • 2 c. bicarbonato de sódio
  • 1 c. fermento em pó
  • 1 c. sal
  • 2 c canela em pó
  • 1/2 c. noz-de-moscada
  • 1/2 c. cravinho em pó
  • 300 g manteiga sem sal
  • 580 g açúcar
  • 2 ovos
  • 1 L puré de maçã (625 ml maçã triturada + 375 ml água morna)

Cobertura

  • 125 g açúcar
  • 40 g farinha sem fermento
  • 125 ml leite gordo
  • 125 ml natas ( >35% gordura)
  • 230 g manteiga sem sal, à temperatura ambiente
  • 1 c. extracto de baunilha
  • 60 ml caramelo salgado

Preparação

Bolo

  1. Pre-aqueça o forno a 180ºC e unte três formas de 20 cm de diâmetro e três de  12 cm  com manteiga e polvilhe bem com farinha;
  2. Numa taça grande misture a farinha, o bicarbonato de sódio, o fermento, o sal, a caea, a nós de moscada e o cravinho;
  3. Com uma batedeira eléctrica em velocidade média alta bata a manteiga e o açúcar até cremoso e leve;
  4. Adicione os ovos batendo até formar um creme fofo e claro;
  5. Com a batedeira na velocidade mínima, ou com um batedor de varas, incorpore a farinha e o puré de maçã, intervalados, começando e acabando com a farinha;
  6. Divida a mistura entre as seis formas e leve ao forno durante 40 minutos ou até que um palito inserido no centro saia limpo;
  7. Deixe arrefecer na forma durante cerca de 10 minutos antes de transferir para uma  grelha para que arrefeça completamente.

Cobertura

  1. Num tacho pequeno, misture bem o açúcar e a farinha;
  2. Junte o leite e as natas e leve ao lume, mexendo sempre, durante cerca de 15 minutos ou até engrossar num creme estilo béchamel;
  3. Transfira para um pirex largo, cubra com película aderente rente ao creme e leve ao frigorífico para que arrefeça completamente;
  4. Com uma batedeira eléctrica, bata em velocidade máxima, a manteiga até estar suave;
  5. Junte o creme de leite e açúcar aos poucos e, depois, a essência de baunilha, batendo sempre em velocidade alta;
  6. Continue a bater cerca de 5 minutos, até criar um creme fofo e uniforme;
  7. Junte o caramelo salgado e bata até incorporado.

100 g: 332 calorias, 16 g gordura, 46 g hidratos de carbono, 2 g proteina

Parabéns aos noivos!